O que fazer quando você for abordado por um Headhunter?

Carreira, Comportamento, Estratégia, Gestão, Tendência

Janeiro de 2017 | BáRBARA NOGUEIRA - PRIME TALENT

Compartilhar

Em meio à crise, todas as empresas buscam talentos e a maioria dos profissionais estão sendo abordados pelos headhunters, seja por abordagem diretas, indicações de mercado, por Linkedin, telefone ou e-mail. Aproveite esse momento para turbinar sua carreira, seja como candidato ou como fonte de informação para headhunters.

Caso você receba o contato de um headhunter, esteja sempre disponível para trocar informações, se ele te acessou é porque provavelmente, você tem aderência a uma posição que ele está trabalhando para um cliente. Alguns pontos são fundamentais e podem ser destacados:

  • Postura Adequada – É sempre importante ser cordial e se abrir para uma conversa inicial com um headhunter, mesmo que por alguns minutos. Caso você não tenha disponibilidade no momento em que foi abordado, agende um melhor horário. Mesmo se você não tiver interesse em uma movimentação, deixe o profissional te conhecer, crie vínculo com ele, tornando-se alguém que será lembrado;

 

  • Momento de Carreira – O headhunter sempre vai buscar entender sobre seu momento profissional, suas maiores motivações, expectativas futuras e sobre os possíveis motivos que te fariam mudar de emprego;

 

  • Experiência Profissional – Saber sobre sua experiência profissional é fundamental para o headhunter entender sobre sua bagagem técnica tem aderência ou não ao que o cliente está buscando e se de fato lhe interessaria a posição trabalhada. As perguntas irão variar de acordo com a área que o profissional atua, o nível hierárquico, os pré-requisitos do cliente, dentre outras questões;

 

  • Pacote de Remuneração – Todo headhunter irá te perguntar sobre a remuneração atual e seus respectivos benefícios e bônus. Para um bom direcionamento e assertividade no projeto, é fundamental o entendimento sobre o pacote de remuneração atual dos profissionais que são indicados para todos os clientes, sendo uma “peça-chave” nas negociações mais avançadas. O candidato que não abre essas informações, limita a análise do headhunter sobre a real atratividade do projeto que ele está conduzindo;

 

  • Informações Pessoais / Mobilidade – Outro aspecto fundamental é o entendimento sobre a estrutura familiar do candidato, estilo de vida da família, mobilidade da esposa, marido e filhos para outra região (quando for necessária mudança). Sinta-se à vontade para abrir esses detalhes, são muito importantes para todo projeto desenvolvido.

Após o entendimento dessas principais questões, o headhunter irá normalmente, trazer um feedback breve se você teria ou não aderência a posição trabalhada. Caso você siga para uma etapa de entrevista, o entrevistador fará um detalhamento sobre a carreira sua profissional do candidato, para apresentação para o cliente.

Lembre-se, você pode não ser considerado para uma posição, seja por não ter aderência ou por outro motivo, mas um bom contato, deixa não só uma ótima imagem para os headhunter, mas abre portas para um novo contato futuramente.

________

* Bárbara Nogueira é Diretora e Headhunter da Prime Talent (empresa de busca e seleção de executivos de média e alta gestão, que atua em todos os setores da economia, nacionalmente). É formada em Psicologia pela PUC-MG e Pós-Graduada em Gestão de Negócios pela Fundação Dom Cabral (FDC). Tem vivência internacional na Inglaterra e Estados Unidos.